ASSOCIE-SE

Associe-se e desfrute de muitas vantagens CLIQUE AQUI
Entre em contato 51 3268-1611

NOTÍCIAS

20/04/2020

Bolsonaro coloca vidas e democracia em risco. É preciso que nos organizemos

Imagem: Roberto Parizotti/FotosPublicas

Ao longo de sua trajetória política, e mesmo após ser eleito Presidente da República, Jair Bolsonaro sempre deixou claro que tinha os golpes de Estado em mais alta conta. Nunca foi punido por isso.  Desde que passou a ocupar o mais alto posto do Poder Executivo no Brasil, vem tensionando as instituições, dando sinais progressivamente mais claros de sua inspiração autoritária.

No domingo, 19 de abril, ele deu um passo mais longo: participou, discursou e endossou um movimento que tinha como pauta a defesa do AI-5, o Ato Institucional emitido durante a Ditadura Militar que fechou o Congresso Nacional, cassou direitos políticos e suspendeu garantias constitucionais -- o que resultou em institucionalização da tortura e da censura à imprensa.

A APCEF do Rio Grande do Sul, da mesma forma que em outros momentos da história brasileira, organiza e seguirá organizando a resistência a qualquer movimentação em direção ao autoritarismo. No contexto da crise mais grave que nossa geração já viveu, o Brasil vive um período perigoso também do ponto de vista de suas liberdades e garantias democráticas. Iliberal e ignorante, o nosso presidente é reconhecido internacionalmente como o pior gestor de crise entre líderes dos grandes países.

Atos como esse, prestigiado pelo Presidente da República vêm ocorrendo em todo o país, e não somente em apoio a uma ruptura autoritária em termos políticos. Representam também uma ideologia cientificamente negacionista em relação às medidas sugeridas pelas instituições sanitárias mais respeitadas do planeta para a mitigação da pandemia do novo coronavírus. Nosso símbolo verde e amarelo não pertence a quem não dá o mínimo valor à vida. Canalhas que se dizem patriotas não têm direito ao uso da nossa bandeira.

Ao longo do domingo e desta segunda-feira (20), indivíduos e instituições, da direita à esquerda, manifestaram sua preocupação com a radicalização dos rumos políticos do país. Um exemplo é uma articulação inédita na qual 20 governadores e governadoras assinaram uma carta aberta na qual classificam que as falas de Bolsonaro vêm “afrontando princípios democráticos que fundamentam nossa nação”.

Notas de repúdio, entretanto, não são suficientes. Enquanto não nos organizarmos, nossa existência seguirá em risco -- seja pelos efeitos de uma pandemia no nosso sistema público de saúde, seja pela caminhada em direção à morte da democracia.

Tags:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


18/03/2020

Coronavírus: conheça as medidas tomadas pela APCEF/RS

A APCEF/RS é uma entidade que age de acordo com o bem-estar de...

31/07/2020

"Complexidade Ambiental: um novo olhar sobre a saúde" no Diálogos em Defesa da Vida

A série "Diálogos em Defesa da Vida, Saúde é...

28/07/2020

Pela liberdade de expressão: APCEF/RS presta solidariedade à Juíza Valdete Souto Severo

A APCEF/RS presta solidariedade à juíza trabalhista Valdete...

24/07/2020

Diálogos em Defesa da Vida debate diretrizes do SUS e impactos das desigualdades na pandemia da COVID-19

Seguindo com a proposta interdisciplinar de abordar semanalmente o enfrentamento...